ūüõĎPol√≠cia prende mulher que deixou filho pescar sozinho e se afogou



A Pol√≠cia Civil, por meio da Delegacia de Pol√≠cia (DP) de Mineiros, tomou conhecimento, na segunda-feira 14, atrav√©s do Corpo de Bombeiros, de que uma crian√ßa, de apenas 5 anos, havia desaparecido na regi√£o do rio Matrinch√£, pr√≥ximo de Portel√Ęndia. Inicialmente, foi repassado que a m√£e da crian√ßa apresentou indiferen√ßa quanto ao desaparecimento, continuando a ingerir, inclusive, durante as buscas, bebida alco√≥lica.


No dia seguinte, atrav√©s de mergulhadores, o corpo da crian√ßa foi encontrado. Nas investiga√ß√Ķes preliminares, constatou-se que a genitora, em companhia de familiares, foi acampar na regi√£o e, junto com seus filhos (duas crian√ßas), sequer levou alimento para elas. Ap√≥s entrevista com testemunhas, constatou-se que a m√£e, embriagada, autorizou que seu filho, de apenas 5 anos, sa√≠sse pela mata e fosse pescar, sozinho, o que acarretou em sua morte por afogamento.


Ainda durante as investiga√ß√Ķes, constatou-se o abandono da m√£e na cria√ß√£o das crian√ßas, seja pela priva√ß√£o de cuidados b√°sicos (alimentos, por exemplo), seja permitindo atos atentat√≥rios em desfavor da dignidade f√≠sica da v√≠tima.


Diante dos fatos, foi representada pela prisão preventiva da mãe, medida judicial deferida e cumprida. A investigada responderá pelos crimes de abandono de incapaz e abandono material, podendo pegar até 16 anos de prisão.


#policiacivil #polícia #pcgocontraocrime #pcgo

Coment√°rios